top of page

Quais as principais causas de inadimplência no Brasil?

As inadimplências têm sido uma preocupação tanto para os consumidores quanto para as instituições financeiras e empresas. Elas ocorrem quando uma pessoa ou empresa deixa de pagar suas obrigações financeiras, como dívidas, empréstimos, financiamentos ou contas cotidianas. Segundo dados fornecidos pelo SERASA, o número de pessoas endividadas no Brasil já ultrapassa os 63 milhões.


De acordo com levantamento realizado pela CNDL (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas) juntamente com o SPC Brasil (Serviço de Proteção ao Crédito) em colaboração com a Offerwise Pesquisas, as principais causas de inadimplências no Brasil são:


  • Aumento de desemprego: atualmente a taxa de desemprego no Brasil é de cerca de 14%, ou seja, mais de 13 milhões de pessoas não possuem salário ou renda mensal. Perder o emprego repentinamente pode comprometer completamente a estabilidade financeira de um indivíduo, caso não haja uma reserva de emergência.


  • Contingências: os imprevistos causados na maioria das vezes por problemas de saúde, morte e até mesmo reparações repentinas e necessárias no imóvel ou manutenção de automóveis, também é um dos grandes motivos de inadimplência no país.


  • Compra para terceiros: emprestar o nome e até mesmo cartões de crédito para que terceiros façam compras também está na lista de motivos de endividamento dos brasileiros. A informalidade e a falta de riscos em relação ao pagamento faz com que o devedor sinta-se confortável para flexibilizar o pagamento das parcelas em caso de “emergências” ou até mesmo deixar de quitar todas as parcelas.


  • Ausência de educação financeira: o descontrole financeiro e a má gestão do orçamento mensal também é uma das grandes causas de endividamento para os brasileiros. Não saber sobre o montante recebido e gastar de forma excessiva, normalmente acaba em um desequilíbrio financeiro devastador.


  • Empréstimos impulsivos: o desespero é o um dos maiores inimigos de quem se vê em uma situação de endividamento e o primeiro impulso pode ser correr para o banco e solicitar um empréstimo sem analisar as condições de parcelas e juros. Dessa forma, o que poderia ser a solução, acaba se tornando uma bola de neve ainda maior devido aos altos valores de juros e parcelamento inapropriado para o bolso do indivíduo.


DICAS PARA EVITAR O ENDIVIDAMENTO


A compreensão das causas do endividamento é o primeiro passo para evitá-lo, porém também é necessário saber o que fazer e como agir para não acabar nessa lista extensa de brasileiros endividados.


EDUCAÇÃO FINANCEIRA


Uma das melhores maneiras para evitar entrar nessa vasta lista de brasileiros endividados é o investimento em conhecimento sobre finanças e utilização das ferramentas disponíveis para isso.


Não é somente sobre economizar, mas sim sobre fazer escolhas estratégicas em relação ao uso do dinheiro. De modo prático, a educação financeira é imprescindível para quem busca equilibrar e ter tranquilidade em relação ao seu orçamento.


E embora não seja um costume para a maioria dos brasileiros, a organização das finanças é um grande passo para bem longe do endividamento, além de garantir segurança financeira para o futuro.


CONTROLE DE GASTOS


Uma outra forma de controlar e organizar as finanças é anotar todas as compras feitas, tanto no papel quanto através de planilhas e outras ferramentas disponíveis. Assim você terá um domínio maior do quanto poderá gastar mensalmente e quando poderá realizar essas movimentações.


DEFINIR PRIORIDADES


Entender seus gastos e definir quais são suas prioridades é extremamente importante para que você saiba o que deve ou não abandonar para suavizar seu orçamento.

Dessa forma você poderá planejar compras futuras, evitar compras impulsivas e manter sua conta bancária sempre no azul.


EM CASO DE INADIMPLÊNCIA


Porém, se você já está habituado a essa condição de endividamento constante, é indispensável revisar hábitos financeiros e negociar suas dívidas, principalmente aquelas que incidem a cobrança de altos juros. Nessa situação é importante contar com uma assessoria de confiança, para se prevenir de pagar valores exorbitantes e dívidas abusivas.


A Solução Financeira, com sua equipe de especialistas, negocia dívidas com várias instituições financeiras no Brasil e fornece suporte durante o procedimento de negociação, além de garantir em contrato até 70% de desconto na quitação do valor total do débito.


Gostou do conteúdo? Continue acompanhando nosso blog.


Comments


bottom of page